Portal do Governo Brasileiro
Logotipo Incra


Incra deve liberar R$ 5 milhões para 812 famílias assentadas em MG


Publicado dia 03/10/2019
 
A equipe responsável pela aplicação de créditos da Divisão de Desenvolvimento de Projetos de Assentamento do Incra em Minas Gerais intensificou esforços para liberar recursos financeiros a 812 famílias assentadas aptas a receberem o investimento, que pode chegar a um montante de aproximadamente R$ 5 milhões. Os créditos são referentes às modalidades Apoio Inicial, Fomento Mulher e Fomento para beneficiários dos assentamentos no município de Paracatu – localizado na região Noroeste do estado e distante 480 quilômetros da capital Belo Horizonte.
 
O valor que cada família receberá pode variar de R$ 5 mil a R$ 16.200,00 de acordo com os créditos já recebidos e a regularização da documentação do lote. O prazo para os produtores realizarem o pagamento é de um a três anos, podendo ter um desconto de 80% a 90% - em caso de pagamento dentro desse prazo.
 
Servidores do Incra/MG estiveram em Paracatu, dias 17 e 18 de setembro, para realizar uma capacitação dos técnicos da prefeitura - que firmou um Acordo de Cooperação Técnica (ACT) com a autarquia para a elaboração dos projetos de liberação de créditos às famílias aptas a receberem o investimento.
 
Além de visitas a campo, foi realizada também uma palestra que contou com a participação dos técnicos disponibilizados pela prefeitura e dos presidentes de associações dos projetos de assentamentos. Segundo Rodrigo Resende, que é coordenador do setor de créditos do Incra/MG, o objetivo foi prestar esclarecimentos sobre o processo de liberação dos benefícios. “Nessa palestra, explicamos pata todos os beneficiários presidentes dos assentamentos de Paracatu, os procedimentos que serão adotados para elaborar os projetos produtivos, para a gente conceder esses créditos e melhorar a qualidade de vida nos assentamentos”, disse.
 
O Secretário de Agricultura de Paracatu, Éverton Luiz da Silva, ressaltou que a prefeitura sempre demonstrou preocupação com o setor agrícola e em especial com a agricultura familiar, sendo que quando surgiu a oportunidade de celebrar esse acordo com o Incra a ideia foi aceita de imediato. Segundo Silva, a aplicação dos créditos beneficiará também a economia da cidade. “Com certeza isso vai ajudar não só a agricultura, mas sim todo o município, uma vez que esse recurso vai entrar na economia local”, afirmou.
 
No momento, o Incra/MG aguarda a elaboração dos projetos pelos técnicos para que os mesmos sejam analisados, os contratos emitidos e assinados para em seguida os créditos serem liberados, a expectativa é de que as primeiras liberações ocorram ainda este ano.
 
Assessoria de Comunicação Social do Incra
(61) 3411-7404
imprensa@incra.gov.br

 

Ir para o Topo