Portal do Governo Brasileiro
Logotipo Incra


Inicia construção de unidade de beneficiamento de arroz em assentamento no RS


Publicado dia 24/06/2019
 
O assentamento Viamão/Filhos de Sepé, localizado em Viamão (RS), na região metropolitana de Porto Alegre, abrigará uma nova unidade de beneficiamento de arroz orgânico. O empreendimento é viabilizado pelo programa Terra Forte, desenvolvido pelo Incra em parceria com diversas instituições para implantação ou modernização de agroindústrias coletivas em áreas de reforma agrária.  
 
O ato simbólico de início das obras ocorreu na última quarta-feira (19), na sede da Cooperativa dos Produtores Orgânicos da Reforma Agrária de Viamão (Coperav). O projeto de, aproximadamente, R$ 2,2 milhões prevê a construção de um prédio de 602 metros quadrados e aquisição de equipamentos para processamento de cerca de 750 quilos de arroz por hora.  
 
A expectativa é inaugurar a unidade até março de 2020, atendendo a demanda de beneficiamento da próxima colheita. “Foram plantados 1,2 mil hectares de arroz na última safra. A agroindustrialização dentro do assentamento possibilitará autonomia no planejamento comercial da Cooperativa e agregar valor às diferentes variedades de arroz produzidas sem uso de agrotóxicos”, destaca o agricultor Huli Zang, coordenador do projeto na Coperav.  
 
Segundo ele, a unidade foi pensada para oferecer uma linha de produção dinâmica focada na variedade de grãos especiais, que exigem um processo de beneficiamento diferenciado. No assentamento, são produzidos o arroz vermelho/rubi, negro/ônix, cateto e arbóreo. 
 
“Hoje dependemos de engenho fora que faça o processamento. A agroindustrialização aqui evita o deslocamento e qualifica o produto final, que vai direto ao consumidor. Nos permite organizar qualitativamente a matriz produtiva: produção, secagem, indústria e comércio”, explica Zang. 
 
O assentamento Viamão/Filhos de Sepé foi criado em 1998 pelo Incra. Das 375 famílias assentadas, 157 se dedicam ao cultivo de arroz orgânico. O projeto da unidade de beneficiamento foi um dos cinco aprovados no Rio Grande do Sul em edital do programa Terra Forte em 2014.
 
A primeira parcela, no valor de R$ 390 mil, foi liberada em fevereiro deste ano pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Social (BNDES) à Fundação Banco do Brasil (instituições parceiras do programa), esta responsável pela aplicação dos recursos junto à Coperav.
 
A cooperativa – formada atualmente por 151 associados – já mantém uma unidade de beneficiamento de vegetais e uma padaria, com o objetivo de agregar valor à produção de hortaliças, frutas e verduras livres de agrotóxicos, também desenvolvida no assentamento.
 
Novidade
 
Durante o ato simbólico, também foi lançada a cerveja artesanal “Origem Orgânica”, feita à base de arroz. A receita vinha sendo estudada há três anos em parceria entre a Coperav e uma cooperativa orgânica do município de Picada Café, na serra gaúcha. “Nós entregamos o arroz em grãos para a produtora de cerveja a fim de ampliar a lista de produtos derivados do arroz orgânico. E também fortalecer redes de produtos orgânicos”, observa Zang. 
 
 

Assessoria de Comunicação Social do Incra/RS
(51) 3284-3309 / (51) 3284-3311
imprensa@poa.incra.gov.br
incra.gov.br/rs
facebook.com/IncraRS
Galeria de Imagens: http://saci.incra.gov.br/servico_fotos?uni=5

 

Ir para o Topo